5 fatores da igualdade de gênero no local de trabalho

igualdade no ambiente de trabalho

igualdade no ambiente de trabalho

O tópico de igualdade de condições para o desenvolvimento de carreira, incluindo remuneração igual para mulheres, homens, pessoas trans e outros sexos, é cada vez mais discutido na imprensa e em vários eventos. No entanto, a verdadeira igualdade ainda está longe de ser alcançada.

O que uma mulher deve saber e exigir para que a igualdade se torne real? Hilary Stephenson, diretora administrativa da Sigma User Experience Agency, Ph.D. e ativista da igualdade de gênero, apresenta cinco mudanças importantes que as empresas precisam fazer:

1. Oportunidades reais de liderança

Vários estudos mostram resultados alarmantes. Ao conquistar uma posição mais alta, é mais provável que as mulheres se encontrem em condições com menos recursos e apoio do que os homens. Isso enfatiza a necessidade de oferecer às mulheres oportunidades de desenvolvimento mais equitativas. 

Uma maneira de controlar isso é alcançar planos de carreira claros, bem como análises regulares de desempenho. Isso permitirá que você avalie se você está realmente no caminho certo e quanto seu sucesso ou fracasso está relacionado ao desenvolvimento pessoal ou à falta de oportunidades oferecidas a você.

2. Igualdade de gênero no recrutamento e promoção

Uma das principais maneiras de abordar a questão da equidade no local de trabalho é exigir a igualdade de gênero nos grupos de promoção e emprego. 

À medida que mais mulheres, pessoas trans e pessoas não binárias se tornam tomadoras de decisão, essa abordagem alcança um equilíbrio na força de trabalho. Se esse equilíbrio não for observado hoje, é necessário levantar uma questão perante a administração da empresa e exigir uma solução para esse problema no futuro próximo.

3. Horário de trabalho flexível

É inegável que todas as pessoas, independentemente do sexo, devem ter um horário de trabalho flexível. Pesquisas até mostraram que essa é a chave para aumentar a riqueza e a felicidade. No entanto, considerando que as mulheres ainda têm uma grande responsabilidade em cuidar dos filhos, é importante que os empregadores reconheçam a necessidade de ajudar as mulheres, em particular, a definir horários de trabalho de acordo com suas necessidades individuais.

 Para alcançar um nível razoável de flexibilidade, os funcionários devem garantir que sejam privilegiados, como horários flexíveis e capacidade de trabalhar remotamente.

4. Modelos

Para ajudar as mulheres a se esforçarem para alcançar níveis de carreira na empresa, são necessários modelos, ou seja, mulheres que já se destacaram na empresa. Isso ajuda muitos a quebrar os “tetos de vidro” das carreiras que podem ocorrer em muitas situações. Uma ótima maneira de dar o exemplo é relatar em voz alta os sucessos das mulheres na gestão da empresa, tanto nas comunicações internas quanto nas externas.

5. Salário igual

Este é um ponto óbvio, mas talvez um dos mais importantes. Apesar da criação da Lei da Igualdade Salarial de 1963, ainda existe uma disparidade salarial injusta. Portanto, cada mulher deve garantir que ela seja paga da mesma maneira que todos os outros funcionários em uma posição semelhante na empresa.

 Para levantar esse problema, você pode marcar uma consulta com um representante do departamento de RH. Esta reunião pode ser uma oportunidade para expressar sua opinião e tomar medidas. Se após a primeira reunião nenhuma alteração ocorrer, você precisará continuar a comunicação até que o resultado seja alcançado.

O mero fato de que esses requisitos devem ser expressos fala sobre a escala do problema. A igualdade de mulheres no local de trabalho deve ser tomada como garantida, e não o que as mulheres devem exigir. No entanto, por enquanto, é necessário declarar, falar e agir. Seja corajoso, faça as perguntas certas e não aceite a não resposta.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *